Desenvolvimento de métodos e processos para produção de anticorpos em linfócitos B1

Resumo: Funcionalmente, os anticorpos podem ser caracterizados por sua habilidade de reconhecer e se ligar a antígenos determinados que formem determinantes antigênicos. Uma subpopulação de linfócitos B, os linfócitos B1, encontrados na cavidade peritoneal de camundongos, possui características que lhe permitem serem boas respondedoras a antígenos polissacarídicos. Aproveitando-se da função fisiológica de defesa imunológica humoral dos linfócitos B1 para a produção de anticorpos anti-polissacarídicos pelos linfócitos B1, os quais seriam utilizados como base para estudos para controle do crescimento tumoral. Os anticorpos serão detectados pelo método de ELISA indireto (Enzyme-linked Immunosorbent Assay) e pelo método de cELISA. Assim, o presente subprojeto visa à implantação de métodos e procedimentos, bem como a sua validação para o desenvolvimento da tecnologia para a produção de anticorpos policlonais de linfócitos para a utilização em pesquisa científica associada ao controle do crescimento tumoral. Este estudo funcionará ainda como base para a produção de anticorpos monoclonais com base nos linfócitos B1.

Data de início: 2010-08-01
Prazo (meses): 12

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Coordenador Marco Cesar Cunegundes Guimarães
Pesquisador Ian Victor Silva
Vice-Coordenador Leticia Batista Azevedo Rangel
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105